google.com, pub-4936084282686437, DIRECT, f08c47fec0942fa0 Google+ Edital de Concurso Público: Sindifisco-MG denuncia a falta de concurso para Auditor Fiscal AFRE desde 2004

Sindifisco-MG denuncia a falta de concurso para Auditor Fiscal AFRE desde 2004

O SINDIFISCO-MG está promovendo campanha de denúncia na mídia em protesto contra o desmantelamento da Secretaria de Estado de Fazenda (SEF/MG) e dos serviços públicos de Minas, mais especificamente contra a não realização de concurso público pela SEF-MG desde 2004 para o cargo de Auditor Fiscal  AFRE-MG. O anúncio acima foi publicado no Estado de Minas. Clique na imagem para ampliar.
O primeiro anúncio – Chega de enganação. Concurso público é coisa séria – foi publicado no jornal Estado de Minas de 02 de março de 2013, denunciando que a SEF/MG, apesar do quadro defasado, não realiza concurso público para AFRE desde 2004.
Em anúncio publicado em 06 de março no mesmo veículo de comunicação, o Sindifisco-MG denuncia que projeto de lei a ser encaminhado à Assembleia Legislativa de Minas Gerais pela SEF-MG poderá pavimentar caminho para que outros servidores se tornem fiscais, por via transversa, ou seja, através de mudança de cargo sem concurso público, o que é vedado pela Constituição Federal.
O que você acha disso? Procede esse temor do sindicato? Você concorda com essa possível "promoção" de outros servidores para Auditor Fiscal? Deixe a sua opinião abaixo.

Preencha seu email e receba informações sobre concursos:


Delivered by FeedBurner




4 comentários:

Anônimo disse...

FIZ 48,TENHO 32ANOS SERÁ QUE TENHO CHANCE

Anônimo disse...

Um absurdo se isto ocorrer.

Anônimo disse...

Um grande desrespeito

Anônimo disse...

Onde está o "valoroso e espetacular" Ministério Público que deixa isso acontecer? A instituição ultra defensora da moralidade e da legalidade? Só investiga quando lhe é conveniente? Tá com o rabo preso com o governador Anastasia e sempre esteve com o Aécio Neves. Precisam engavetar investigações contra eles e fazer vistas grossas, no toma lá dá cá.