google.com, pub-4936084282686437, DIRECT, f08c47fec0942fa0 Google+ Edital de Concurso Público: Concurso PRF 2013: publicação do edital, Cespe/UNB e outras novidades

Concurso PRF 2013: publicação do edital, Cespe/UNB e outras novidades

Já está definido que o Cespe/UNB (http://www.cespe.unb.br/concursos/) será o organizador do  concurso da PRF de 2013, com 1.000 vagas para Policial Rodoviário Federal, com remuneração  de R$6.479 mensal.
O extrato do contrato firmado entre a Polícia Rodoviária Federal e o Cespe/UnB deverá ser publicado nos próximos dias no Diário Oficial da União (DOU).
Depois da publicação do contrato, a PRF poderá publicar o edital de abertura do concurso, o que deverá ocorrer ainda neste mês de junho de 2013.
O que acha da escolha do Cespe para organizar o concurso da PRF 2013? Vote na enquete abaixo:

O candidato terá sua investidura no cargo condicionada ao atendimento, cumulativamente, das seguintes condições:
a) ter sido aprovado em todas as fases e etapas do Concurso Público e classificado dentro do número de vagas na sua opção de UF;
b) ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, na forma do disposto no art. 13 do Decreto no 70.436, de 18 de abril de 1972;
c) gozar dos direitos políticos;
d) estar quite com as obrigações eleitorais;
e) estar quite com as obrigações do Serviço Militar, para os candidatos do sexo masculino;
f) não estar incompatibilizado para nova investidura em cargo público;
g) ter idade mínima de 18 anos na data da matrícula no Curso de Formação Profissional;
h) ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo;
i) apresentar diploma, devidamente registrado, ou certificado de conclusão de curso de graduação de nível superior, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação;
j) estar habilitado para dirigir veículo automotor, categoria "B" ou superior;
l) apresentar cópia do documento de Cadastro de Pessoa Física na Receita Federal (CPF);
m) apresentar declaração de bens;
n) apresentar cópia de documento de identidade oficial;
o) ter sido considerado recomendado na investigação social e/ou funcional;
p) firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade aplicada por qualquer órgão público e/ou entidade da esfera federal, estadual, municipal e/ou distrital;
q) apresentar certidão dos cartórios de protestos e títulos da cidade/município e/ou da jurisdição onde residiu nos últimos cinco anos, expedida, no máximo, há seis meses;
r) apresentar certidões dos cartórios de execução cível da cidade/município onde reside/residiu nos últimos 5 (cinco) anos;
s) apresentar certidões de antecedentes criminais da Justiça Federal, da Justiça Estadual ou da Justiça do Distrito Federal (para os residentes no Distrito Federal), da Justiça Eleitoral e, quando for o caso, da Justiça Militar Estadual (art. 125, parágrafo 3.º da CF), da cidade/município e/ou da jurisdição onde residiu nos últimos cinco anos, expedidas, no máximo, há seis meses;
t)cumprir as determinações deste edital e dos subseqüentes.
u) ser considerado apto na inspeção médica oficial, conforme o disposto no art. 14, da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990. Caso o candidato seja considerado inapto para o exercício do cargo, por ocasião da inspeção médica oficial, este não poderá tomar posse.

Preencha seu e-mail e receba informações sobre concursos:






Nenhum comentário: